Sacerdote: Irmãos e irmãs, nesta oração pública que agora começamos, reconheçamos a Cristo que está diante de nós, e procuremos detê-lo com nosso amor e nossa oração confiante:

Todos: Ficai conosco, Senhor.

1. “Pedro de pé, junto com os onze apóstolos, levantou a voz e falou à multidão” (At 2, 14). Pastor eterno, que fizestes do Santo Padre o Papa Francisco, Sucessor de Pedro e Vigário de Cristo, fortificai-o em sua missão de Pastor de toda Igreja, e fazei que todos os povos reconheçam na sua voz a voz do Doce Cristo na Terra. Rezemos ao Senhor.

2. “E agora, exaltado pela direita de Deus, Jesus recebeu o Espírito Santo que fora prometido pelo Pai, e o derramou” (At 2, 33). Tendo-nos feito renascer pelo Batismo e consagrado-nos pela Crisma, concedei-nos continuamente o Dom do vosso Espírito Santo, para apreciarmos o que é reto e termos a vossa consolação. Rezemos ao Senhor.

3. “Pois não haveis de me deixar entregue á morte, nem vosso amigo conhecer a corrupção” (Sl 15). Tornai mais forte a nossa amizade convosco, para que na entrega de nossa vida em vossas mãos, como amigos vossos, possamos receber a vossa vida imortal em nós. Rezemos ao Senhor.

4. “Não estava ardendo o nosso coração, quando ele nos falava pelo caminho e nos explicava as Escrituras” (Lc 24, 32). Que cresçamos a cada dia no amor e na escuta à vossa Palavra, para que com o coração repleto do vosso ardor, possamos aquecer os que se acham frios pelo pecado e pela indiferença. Rezemos ao Senhor.

5. “E assim a vossa fé e esperança estão em Deus” (1Pd 1, 21). Olhai com misericórdia para os nossos irmãos que já chamastes desta vida, e já que eles colocaram sua esperança em vós, concedei-lhes a realização de vossas promessas. Rezemos ao Senhor.

Sacerdote: Ficai conosco, Senhor Jesus, porque a tarde cai e, sendo nosso Companheiro na estrada, aquecei-nos os corações e reanimai nossa esperança, para vos reconhecermos com os irmãos nas Escrituras e no partir do pão. Vós, que sois Deus com o Pai, na unidade do Espírito Santo.

Todos: Amém.